publico

p3

antena3

lecool

Acerca de mim

A minha foto


anafcgil@hotmail.com
www.anagillustrations.com
www.instagram/anagillustrations.com


30 de dezembro de 2012

' se me tocas, o mundo incendeia-se '


Crepúsculo II, Dezembro de 2012

"O aquarelista de crepúsculos comprou tintas novas hoje e experimenta-as no apressado céu de dezembro. Um amarelo denso ao centro, laranjas esbatidos à volta, ocres ao longe, reflexos rosados para as nuvens desfiadas e as janelas dos edifícios de escritórios.  Contemplo o céu da cidade entre os ramos secos das tílias e os cotos dos plátanos recém-podados. Os olhos dos amantes procuram pássaros nas ruas, apertam-se um contra o outro como se estivessem prestes a levantar voo. 
Ninguém dirá que terminas, ano, se algo teu continua."
~José Ángel Cilleruelo





' ao fechar os olhos / abro-os dentro dos teus '


" Confundia igualmente o prazer de viver com o de comer. (...) Um chile em nogado esquecido numa travessa depois de um grande banquete não se sentiria pior do que ela. Quantas vezes sozinha na cozinha tivera de comer uma destas delícias antes de permitir que se perdesse. Ninguém quer comer o último chile de uma bandeja e acontece geralmente quando as pessoas não querem demonstrar a sua gula e embora gostassem imenso de o devorar, ninguém se atreve. E é assim que se rejeita um chile recheado que contém todos os sabores imagináveis, o doce do cidrão, o picante do chile, a subtileza do nogado, o refrescante da romã, um maravilhoso chile em nogado! Que contém no seu interior todos os segredos do amor, mas que ninguém poderá penetrar por causa da decência.
Maldita decência."

~ Laura Esquivel


Chiles mexicanos, Dezembro de 2012, no México Literário


' por isso ela é tão saborosa, tão devassa, tão cheia de armadilhas '




" (...) Eu posso, com valor que nada teme, 
Contigo preparar lautos festins,
E ajudar-te a fazer o leite-creme,
 E os mélicos pudins. "
~ Cesário Verde


 Sobremesa de Natal, a 24 de Dezembro 2012, Beira-Baixa 


20 de dezembro de 2012

' v a i '


f  l  u  m  e , na Ler Devagar, 13 de Junho 2012


Em Abril de 2012, Joana Barra Vaz ( f l u m e ), 
convidou os seus amigos emigrantes num desafio de reunir olhares para ilustrar a bela canção "Vai".
Fica o registo desse final de tarde de verão de junho. Prestes a ir.

' deitei a tarde pela janela e fiquei só '



“Lisboa pela tarde tem este gosto / a delírio manso…”


Encontro Urban Sketchers - 499 Anos do Bairro Alto, a 16 de Dezembro de 2012, Rua das Gáveas e do Norte


“Pouso a chávena no parapeito (...)
Na cozinha, o pequeno rádio, os frascos / com doce e os olhos com que vens / brincando em tons de mel”.
~ Diogo Vaz Pinto




19 de dezembro de 2012

' y tienes ánimo travieso / y eres embriagadora como el vino '


Toco tu boca, con un dedo toco el borde de tu boca, voy dibujándola como si saliera de mi mano, como si por primera vez tu boca se entreabriera, y me basta cerrar los ojos para deshacerlo todo y recomenzar, hago nacer cada vez la boca que deseo, la boca que mi mano elige y te dibuja en la cara, una boca elegida entre todas, con soberana libertad, elegida por mí para dibujarla con mi mano en tu cara,...

Encontro com o Vinho e Sabores, a 10 de Novembro de 2012,  Centro de Congressos da FIL


...y que por un azar que no busco comprender coincide exactamente con tu boca que sonríe por debajo de la que mi mano te dibuja. 
~ Julio Cortázar

17 de dezembro de 2012

' que tudo é menos que o vento / menos que as folhas do chão '





Quentes e boas pra levar, Rossio Lisboeta, Novembro e Dezembro de 2012


" Perdoa-me, folha seca, 
 não posso cuidar de ti. (...) " 
~ Cecília Meireles, na sua Canção de Outono


8 de dezembro de 2012

' Não pelo arranjo, que é fadista, mas pelo Brasil que há ali '


  Coliseu dos Recreios, 7 de Dezembro de 2012, António Zambujo, Bernardo Couto (na guitarra portuguesa), Ricardo Cruz (no baixo), Jon Luz (no cavaquinho) e José Miguel Conde (no clarinete)


' Não pelo arranjo, que é fadista, mas pelo Brasil que há ali ' fala Caetano.
Ao meu lado, Vinicius e Baden Powel, estavam encantados com o que escutavam e de vez em quando, lá ia uma assobiadela de consentimento ao que ouviam: parece que o menino leva jeito, comentaram.
Ri e afirmei-lhes com a cabeça, que sim. Já Caetano tinha dito o mesmo...




  Coliseu dos Recreios, 7 de Dezembro de 2012, Rancho de Cantadores de Aldeia Nova de São Bento

 
A noite avançava e quando vi o Rancho de Cantadores de Aldeia Nova de São Bento, qual Bieber-fan, alguém que me segurasse, que a minha emoção estava pulsante... Flagrante, diria.



Coliseu dos Recreios, 7 de Dezembro de 2012, António Zambujo,


Maria do Rosário Pedreira, escreveu no O Canto do Vento nos Ciprestes que:
“ (...) eu escutaria com o mesmo silêncio admirado 
com que na boca cai um beijo ou a noite atira o amor
para cima das camas. Mas o lápis rola subitamente.” 


Certeira nas palavras,  escutei uma vez mais António Zambujo e desenhei de amar, a noite inteira.